Bolsonaro confirma que vai indicar alguém 'terrivelmente evangélico' para o STF

"Dia 4 de julho é o dia do terrivelmente evangélico. Tem um cotado aí, por enquanto é ele, mas não está batido o martelo", disse Jair Bolsonaro sobre sua próxima indicação para uma vaga no STF

(Foto: ABr | Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro voltou a afirmar que irá indicar “alguém terrivelmente evangélico” para o Supremo Tribunal Federal (STF)e que já tem um nome em vista para a vaga que será aberta em julho. 

"Dia 4 de julho é o dia do terrivelmente evangélico. Tem um cotado aí, por enquanto é ele, mas não está batido o martelo. Uma vez eu disse, 'imagina uma sessão do STF começar com uma oração com esse ministro'", disse Bolsonaro durante um encontro com apoiadores neste sábado (8) em Brasília, de acordo com o jornal Valor Econômico.  

O indicado para a Corte irá assumir a vaga aberta com a aposentadoria do ministro Marco Aurélio Mello, que completa 75 anos em julho. No ano passado, Bolsonaro indicou Kassio Nunes Marques para assumir uma cadeira na Corte. 

Inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais: 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email