Ciro deve anunciar apoio a Haddad ao chegar ao Brasil nesta sexta

Ciro Gomes deve anunciar nesta sexta à noite em Fortaleza que votará em Haddad; Ciro desembarcará às 20h, na antevéspera da eleição, depois de três semanas da Europa, para onde viajou no dia seguinte ao primeiro turno; Haddad estará em campanha no Ceará e é possível que os dois se encontrem; o coordenador da campanha de Haddad, Jaques Wagner, conversou no começo da semana com o irmão de Ciro, Cid Gomes, e cobrou um apoio mais “mais contundente”; ontem, quarta, Haddad telefonou para Carlos Lupi, presidente do PDT, e disse que um gesto de Ciro teria significado histórico

Ciro deve anunciar apoio a Haddad ao chegar ao Brasil nesta sexta
Ciro deve anunciar apoio a Haddad ao chegar ao Brasil nesta sexta

247, com Blog do Esmael - Ciro Gomes deve anunciar nesta sexta-feira (26) à noite em Fortaleza que votará em Fernando Haddad no segundo turno das eleições presidenciais. Ciro volta ao Brasil na antevéspera da eleição depois de três semanas da Europa, para onde viajou no dia seguinte ao primeiro turno, embarcando para Portugal em 8 de outubro. O pedetista ficou em terceiro lugar, com 12,47% dos votos válidos. Haddad estará no Ceará e é possível que os dois se encontrem.

No começo da semana, o coordenador da campanha de Haddad, Jaques Wagner, conversou com Cid Gomes, irmão de Ciro, e pediu um apoio “mais contundente” de Ciro Gomes a Haddad na etapa final da campanha. Ontem, quarta (24), Haddad telefonou para Carlos Lupi, presidente do PDT, e disse que um gesto de Ciro teria significado histórico. 

"Na verdade, ele [Ciro Gomes] já declarou [apoio]. O que a gente queria era algo mais contundente", disse Jaques Wagner. "A gente quer que ele converse com o eleitor dele e diga, olhe, tudo bem, estou arretado com o PT, mas isso tudo fica menor diante da responsabilidade do momento." (leia aqui)

Haddad deverá encerrar a campanha visitando também na sexta os seguintes estados do Nordeste: Bahia, Paraíba, além do Ceará. 

De acordo com pesquisa CUT/Vox Populi, feita nos dias 22 e 23, diferença entre Haddad e Jair Bolsonaro (PSL) é de apenas 5 pontos nos votos totais (44% a 39% para Bolsonaro) e 6 pontos nos válidos (53% a 47% também para o candidato do PSL).

Enquanto Ciro não chega da Europa, Haddad segue ensaiando o jingle do “vira-voto”. Assista ao vídeo:

Ao vivo na TV 247 Youtube 247