Ciro pede que eleitores não votem em Lula nem Bolsonaro e cita frase que Einstein nunca disse

Internautas discordaram da comparação entre Lula e Bolsonaro feita por Ciro Gomes. Também criticaram o rancor do ex-ministro

www.brasil247.com - Ciro Gomes
Ciro Gomes (Foto: Reprodução/@cirogomes)


247 - O presidenciável Ciro Gomes (PDT) voltou a fazer ataques ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e a Jair Bolsonaro (PL). O ex-ministro pediu que os eleitores não votem nos seus dois concorrentes e citou uma frase atribuída ao físico Albert Einstein (1879-1955). 

"Minha irmã, meu irmão, não dê o seu voto precioso a quem não aceita sequer ir aos debates para apresentar propostas para o futuro do Brasil. Como disse Einstein, 'Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes'", escreveu Ciro no Twitter.

Outro perfil na rede social afirmou que não "há mais tempo" de Ciro conquistar votos o suficiente para chegar ao segundo turno e criticou a iniciativa do ex-governador de comparar Lula e Bolsonaro. "E, diferentemente de vc, eu não equiparo os dois que estão na frente. Infelizmente, é isso".

Uma internauta escreveu: "sua vaidade, unida com seu ego e rancor sem limites, acabou com tudo".

"Esse ano é Paris ou algum lugar diferente?", questionou um usuário. 

 

 

 


Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email