CPI da JBS quer quebrar sigilo do ex-procurador Marcelo Miller

A Comissão Parlamentar que investiga a delação da JBS deve aprovar hoje a quebra do sigilo dos e-mails e dos telefones do ex-procurador Marcello Miller para tentar provar que ele orientou a delação da JBS ainda quando atuava na PGR; o requerimento, do presidente da CPMI, senador Ataídes Oliveira, também alcança Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS

Marcelo Miller
Marcelo Miller (Foto: Giuliana Miranda)

247 - A CPMI da JBS deve aprovar hoje a quebra do sigilo dos e-mails e dos telefones do ex-procurador Marcello Miller para tentar provar que ele orientou a delação da JBS ainda quando atuava na como braço direito de Rodrigo Janot na PGR.

O requerimento, do presidente da CPMI, senador Ataídes Oliveira, também alcança Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS.

Sem assumir publicamente, integrantes da comissão admitem que esperam descobrir nos dados de Miller informações que comprometam a atuação de Janot, de quem ele era braço direito.A conta de e-mail de Miller que a CPMI quer checar é o de sua conta no Hotmail.

As informações são da Coluna do Estadão.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247