CVM multa Cunha e Funaro em R$ 9 milhões por operações irregulares

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) condenou o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e o operador Lúcio Funaro, a pagarem, respectivamente, multas de R$ 5 milhões e R$ 3,9 milhões; eles foram acusados de obter ilegalmente ganhos de quase R$ 2 milhões junto à Prece, fundo de pensão dos funcionários da Companhia Estadual de Água e Esgoto (Cedae)

CVM multa Cunha e Funaro em R$ 9 milhões por operações irregulares
CVM multa Cunha e Funaro em R$ 9 milhões por operações irregulares

247 – A Comissão de Valores Mobiliários (CVM), condenou, nesta segunda-feira (20), o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e o operador Lúcio Funaro, a pagarem, respectivamente, multas de R$ 5 milhões e R$ 3,9 milhões.

Eles foram acusados, segundo o jornal O Estado de S. Paulo, de obter ilegalmente ganhos de quase R$ 2 milhões - R$ 971 mil e R$ 823 mil, respectivamente - junto à Prece, fundo de pensão dos funcionários da Companhia Estadual de Água e Esgoto (Cedae).

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247