DEM condiciona apoio à Serra à indicação de um vice

Partido negocia tambm alianas com os tucanos em Salvador e no Recife. Pr-candidato do PSDB j conta com a maioria das intenes de voto dos lderes da legenda para as prvias do dia 25

DEM condiciona apoio à Serra à indicação de um vice
DEM condiciona apoio à Serra à indicação de um vice (Foto: JB NETO/AGÊNCIA ESTADO)

247 – O DEM condicionou as negociações em torno de uma aliança com o PSDB para a eleição para a Prefeitura de São Paulo à indicação de um vice para a chapa tucana. O recado foi passado pelos dirigentes do partido ao ex-governador, no Palácio dos Bandeirantes. 'Eles têm o pleito de indicar o vice, que seria o Rodrigo Garcia. E eles também têm pretensões Brasil afora', disse o ex-governador José Serra, em referência às negociações entre PSDB e DEM em torno de alianças em Salvador e no Recife.

Serra elogiou as possíveis candidaturas de ACM Neto (DEM) e Antônio Imbassahy (PSDB) na capital baiana, deixando livre o caminho para uma aproximação entre as siglas.

Antes de montar sua equipe, o ex-governador José Serra (PSDB) precisa passar pelas prévias do partido. Mas ao que tudo indica, ele é o candidato favorito dos presidentes de diretórios zonais tucanos da capital que votarão no próximo dia 25 para escolher quem disputará a Prefeitura de São Paulo pelo PSDB. Levantamento feito pelo jornal O Estado com 51 líderes da legenda na cidade mostra que 20 deles pretendem escolher Serra como candidato, ou seja, mais da metade dos 36 tucanos que declararam o voto. Há 58 diretórios zonais do PSDB pela capital paulista, mas 15 se recusaram a dizer qual é o preferido e outros sete não foram localizados.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247