Deputados do PT fazem abaixo-assinado contra Cunha

Grupo de parlamentares petistas colhem assinaturas para apoiar a ação que pede a cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), no Conselho de Ética; com a iniciativa, o grupo quer tentar evitar um acordo do governo com Cunha para salvá-lo do processo em troca do arquivamento do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff

Brasília - Presidente da Câmara, Eduardo Cunha durante sessão extraordinária para discussão e votação de diversos projetos (Antonio Cruz/Agência Brasil)
Brasília - Presidente da Câmara, Eduardo Cunha durante sessão extraordinária para discussão e votação de diversos projetos (Antonio Cruz/Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

247 - Deputados federais do PT colhem assinaturas nesta terça-feira 1º para apoiar a ação que pede a cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), cujo relatório é discutido nesta tarde durante sessão do Conselho de Ética.

Há três deputados do partido no colegiado. Com o abaixo-assinado, o grupo de petistas quer tentar evitar um acordo do governo com Cunha para salvá-lo do processo em troca do arquivamento do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff.

Segundo reportagem de Ricardo Galhardo, do Estadão, a iniciativa é de deputados que assinaram o documento "Muda PT!" durante o Congresso Nacional do Partido, em junho, quando houve adesão de 35 dos 60 deputados federais petistas.

Abaixo, a íntegra do abaixo-assinado:

"Nós, Deputados Federais abaixo-assinados, junto com outros que ainda virão a assinar o presente documento, demandamos, mais uma vez, o imediato afastamento do Deputado Eduardo Cunha da Presidência da Câmara dos Deputados, bem como a admissão e prosseguimento da representação contra ele ajuizada no Conselho de Ética.

Com efeito, o Deputado Eduardo Cunha tem revelado, diuturnamente, a falta de qualquer pudor em utilizar sua posição de direção da Câmara Federal em proveito próprio, inclusive promovendo e patrocinando o cancelamento de sessão do Conselho de Ética, atacando Instituições e praticando toda sorte de chantagens.

A oposição, por sua vez, até poucos dias atrás legitimou todas as ações do Deputado Eduardo Cunha, beneficiando-se desta relação de conveniência. Agora, ao passar a defender o afastamento de Eduardo Cunha, o faz obstruindo toda e qualquer votação de interesse do País.

Devemos pois, nos manifestar firmemente contra qualquer tentativa do Deputado Eduardo Cunha em se utilizar do cargo para beneficiar sua defesa, em detrimento dos interesses da Sociedade Brasileira.

Demandamos que o Conselho de Ética decida pelo prosseguimento da representação ali ajuizada, tendo em vista a contundência das provas até então apresentadas contra o Deputado Eduardo Cunha."

Conheça a TV 247

Mais de Poder

O presidente do PSL, deputado Luciano Bivar
Poder

PSL pode se juntar ao PP

As conversas de fusão do DEM com o PSL estão perdendo força, e Luciano Bivar, presidente da sigla, sentou à mesa com outro cacique da direita: Ciro Nogueira, o poderoso chefão do PP

Ao vivo na TV 247 Youtube 247