Dilma pode anunciar pacote de bondades

Em reunião com Dilma, na segunda-feira, líderes de movimentos sociais sugeriram um reajuste do Bolsa Família, novos contratos do Minha Casa Minha Vida e a redução do preço de botijões de gás; ‘sai a pauta bomba e entraria essa “bendita” pauta’, diz o colunista Ilimar Franco; segundo ele, essas lideranças também querem, a exemplo do PT, que seja formado um ministério paralelo para fiscalizar e criticar as medidas adotadas pelo novo governo

Salvador - BA, 26/04/2016. Presidenta Dilma Rousseff durante cerimônia de entrega de unidades habitacionais em Salvador/BA e entregas simultâneas em São Carlos/SP, em Pirassununga/SP, em Caucaia/CE e em Santa Maria/RS. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR
Salvador - BA, 26/04/2016. Presidenta Dilma Rousseff durante cerimônia de entrega de unidades habitacionais em Salvador/BA e entregas simultâneas em São Carlos/SP, em Pirassununga/SP, em Caucaia/CE e em Santa Maria/RS. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A presidente Dilma Rousseff pode anunciar um “pacote de bondades” antes de deixar o cargo em eventual aprovação do processo de impeachment.

Em reunião com Dilma, na segunda-feira, líderes de movimentos sociais sugeriram um reajuste do Bolsa Família, novos contratos do Minha Casa Minha Vida e a redução do preço de botijões de gás. ‘Sai a pauta bomba e entraria essa “bendita” pauta’, diz o colunista Ilimar Franco.

Segundo ele, essas lideranças também querem, a exemplo do PT, que seja formado um ministério paralelo para fiscalizar e criticar as medidas adotadas pelo novo governo. Para qualificar a oposição à gestão de Temer, defendem que sejam escalados nomes “notáveis” e representativos de cada área do governo.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247