Doria quer expulsar Aécio e convida Maia para entrar no PSDB

Deputado mineiro é visto como o principal obstáculo interno para a candidatura de João Doria à presidência. Proposta será apresentada pelo governador de SP em jantar no Palácio dos Bandeirantes nesta noite

João Doria e Rodrigo Maia
João Doria e Rodrigo Maia (Foto: Governo do Estado de São Paulo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em meio ao racha tucano na disputa à presidência da Câmara, onde parte dos parlamentares do PSDB apoiou o candidato de Jair Bolsonaro, Arthur Lira (PP-AL), que saiu vitorioso, o governador de São Paulo, João Doria, faz sua ofensiva para expulsar da legenda o deputado federal Aécio Neves (MG) e atrair figuras do DEM, que traiu Rodrigo Maia e caminhou em direção ao bolsonarismo.

A proposta será apresentada pelo governador de SP em jantar no Palácio dos Bandeirantes na noite desta segunda-feira (8). Partilham da mesma linha de pensamento de contrariedade ao político mineiro, dentro do PSDB, a ala histórica do partido liderada por Fernando Henrique Cardoso. O ex-presidente e outros integrantes do grupo, como o senador José Serra (SP) e o ex-senador Aloysio Nunes Ferreira (SP), foram convidados para o jantar.

Além deles, estarão presentes integrantes da cúpula da sigla, como o presidente do partido, Bruno Araújo, e um emissário do grupo de Aécio, o deputado Rodrigo de Castro (MG), segundo reportagem da Folha de S.Paulo.

Neste domingo (7), Doria recebeu o ex-presidente da Câmara e o seu vice-governador, Rodrigo Garcia, que também é do DEM. Ambos foram convidados para integrar o PSDB. Nesta segunda, a notícia foi confirmada em coletiva. “Ficaremos muito felizes se eles aceitarem”, disse Doria. O tucano tem o compromisso de deixar o cargo para que Garcia dispute a reeleição como governador, enquanto ele corre pela presidência.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email