Eunício trava negociação de Dilma com PMDB

Presidente Dilma Rousseff condicionou a ampliação do PMDB no governo à retirada da candidatura do líder pemedebista no Senado, Eunício Oliveira (CE), ao governo do Ceará; ela quer o parlamentar na pasta da Integração Nacional, hoje controlada por seu adversário no Estado, o governador Cid Gomes (Pros); o PMDB, no entanto, quer emplacar Vital do Rêgo 

Presidente Dilma Rousseff condicionou a ampliação do PMDB no governo à retirada da candidatura do líder pemedebista no Senado, Eunício Oliveira (CE), ao governo do Ceará; ela quer o parlamentar na pasta da Integração Nacional, hoje controlada por seu adversário no Estado, o governador Cid Gomes (Pros); o PMDB, no entanto, quer emplacar Vital do Rêgo 
Presidente Dilma Rousseff condicionou a ampliação do PMDB no governo à retirada da candidatura do líder pemedebista no Senado, Eunício Oliveira (CE), ao governo do Ceará; ela quer o parlamentar na pasta da Integração Nacional, hoje controlada por seu adversário no Estado, o governador Cid Gomes (Pros); o PMDB, no entanto, quer emplacar Vital do Rêgo  (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A presidente Dilma Rousseff condicionou a ampliação do PMDB no governo à retirada da candidatura do líder pemedebista no Senado, Eunício Oliveira (CE), ao governo do Ceará.

Pela terceira vez, a presidente convidou o parlamentar para assumir a pasta da Integração Nacional, hoje controlada por seu adversário no Estado, o governador Cid Gomes (Pros). O PMDB quer emplacar Vital do Rêgo.

Enfrentando a pressão do grupo liderado pelo líder do PMDB na Câmara, Eduardo Cunha, Dilma, no entanto, quer Vital para o Ministério do Turismo, hoje comandado pelo deputado Gastão Vieira.

Eunício aparece em levantamento do instituto Vox Populi com 31%, ante 17% da ex-prefeita Luizianne Lins (PT), no Ceará. Há uma preocupação da cúpula pemedebista em dar à pretensão de Eunício caráter de fato consumado.

Leia aqui a matéria do Valor sobre o assunto.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email