Exclusivo: FHC pode ser vice na chapa de Aécio

Construção de uma dupla puro-sangue do PSDB para as eleições de 2014 pode envolver o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; até agora, ele e Aécio vinham defendendo que o vice fosse de São Paulo e também tucano, o que faria a escolha recair sobre o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP); no entanto, aliados afirmam que uma chapa 100% tucana só seria aceita se o vice fosse o próprio FHC; "ninguém melhor do que ele próprio para defender o legado dos seus oito anos de governo", diz o deputado Eduardo Gomes (SSD-TO), que migrou do PSDB para o Solidariedade, mas continua próximo a Aécio e a FHC

www.brasil247.com - Construção de uma dupla puro-sangue do PSDB para as eleições de 2014 pode envolver o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; até agora, ele e Aécio vinham defendendo que o vice fosse de São Paulo e também tucano, o que faria a escolha recair sobre o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP); no entanto, aliados afirmam que uma chapa 100% tucana só seria aceita se o vice fosse o próprio FHC; "ninguém melhor do que ele próprio para defender o legado dos seus oito anos de governo", diz o deputado Eduardo Gomes (SSD-TO), que migrou do PSDB para o Solidariedade, mas continua próximo a Aécio e a FHC
Construção de uma dupla puro-sangue do PSDB para as eleições de 2014 pode envolver o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; até agora, ele e Aécio vinham defendendo que o vice fosse de São Paulo e também tucano, o que faria a escolha recair sobre o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP); no entanto, aliados afirmam que uma chapa 100% tucana só seria aceita se o vice fosse o próprio FHC; "ninguém melhor do que ele próprio para defender o legado dos seus oito anos de governo", diz o deputado Eduardo Gomes (SSD-TO), que migrou do PSDB para o Solidariedade, mas continua próximo a Aécio e a FHC (Foto: Felipe L. Goncalves)


247 - O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, principal conselheiro do senador Aécio Neves (PSDB-MG), pode estar prestes a mergulhar de vez na disputa presidencial de 2014, colocando seu nome na chapa tucana. Na construção que já começa a ser cogitada por Aécio, FHC e por aliados, o sociólogo que governou o Brasil entre 1995 e 2002 seria o vice de Aécio em 2014. "Ninguém melhor do que ele para defender o legado dos seus oito anos de governo", disse ao 247 o deputado Eduardo Gomes (SSD-TO).

Até recentemente, o PSDB vinha considerando apresentar uma chapa puro-sangue nas eleições de 2014, levando em conta outras possibilidades. O primeiro nome a ser levantado foi o do ex-governador paulista, José Serra, mas todos sabem, no ninho tucano, que ele e Aécio dificilmente chegariam a um denominador comum. Depois, o próprio ex-presidente FHC passou a estimular o nome do senador Aloysio Nunes (PSDB-SP). 

Nos dois casos, são políticos paulistas porque os tucanos trabalham com a convicção de que Aécio precisa se tornar mais forte em São Paulo para ser competitivo e capaz de chegar a um eventual segundo turno – hoje, com 47% nas pesquisas, contra 19% de Aécio Neves e 11% de Eduardo Campos, a presidente Dilma Rousseff se reelegeria no primeiro turno, com relativa facilidade.

O deputado Eduardo Gomes, que foi tucano e deixou o PSDB para fundar o Solidariedade, juntamente com o sindicalista Paulo Pereira da Silva (SSD-SP), afirma que só FHC será capaz de conter a pressão dos aliados para que o vice venha de outro partido. Paulinho, por exemplo, defendia que o vice de Aécio fosse um trabalhador, egresso do Solidariedade, partido que já sinalizou apoio a Aécio em 2014. "O vice natural nesse processo de construção de uma chapa puro-sangue, com entrada forte em São Paulo, é FHC", diz Eduardo Gomes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email