FHC: Lula perdeu rumo e isso "é ruim para o País"

Em entrevista ao programa Canal Livre, da Band, o ex-presidente tucano afirmou respeitar a trajetória do torneiro mecânico que chegou à Presidência, mas considera que hoje ele está "enterrando" a própria história e que isso é ruim não só para ele, mas para o Brasil; FHC também criticou a presidente Dilma Rousseff, que mostrou "não ter mais condições de governar o País" e defendeu adesão do PSDB a um eventual governo Temer: "Não existe isso de participar e não dar apoio. Vai participar e vai ter apoio"; o tucano ainda também negou ter pago pensão ao filho da jornalista Mirian Dutra, com quem teve um relacionamento extraconjugal, por meio de uma empresa, a Brasif; o caso está sendo investigado pela PF 

Em entrevista ao programa Canal Livre, da Band, o ex-presidente tucano afirmou respeitar a trajetória do torneiro mecânico que chegou à Presidência, mas considera que hoje ele está "enterrando" a própria história e que isso é ruim não só para ele, mas para o Brasil; FHC também criticou a presidente Dilma Rousseff, que mostrou "não ter mais condições de governar o País" e defendeu adesão do PSDB a um eventual governo Temer: "Não existe isso de participar e não dar apoio. Vai participar e vai ter apoio"; o tucano ainda também negou ter pago pensão ao filho da jornalista Mirian Dutra, com quem teve um relacionamento extraconjugal, por meio de uma empresa, a Brasif; o caso está sendo investigado pela PF 
Em entrevista ao programa Canal Livre, da Band, o ex-presidente tucano afirmou respeitar a trajetória do torneiro mecânico que chegou à Presidência, mas considera que hoje ele está "enterrando" a própria história e que isso é ruim não só para ele, mas para o Brasil; FHC também criticou a presidente Dilma Rousseff, que mostrou "não ter mais condições de governar o País" e defendeu adesão do PSDB a um eventual governo Temer: "Não existe isso de participar e não dar apoio. Vai participar e vai ter apoio"; o tucano ainda também negou ter pago pensão ao filho da jornalista Mirian Dutra, com quem teve um relacionamento extraconjugal, por meio de uma empresa, a Brasif; o caso está sendo investigado pela PF  (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse que seu sucessor, Lula está "enterrando" a própria história e que isso é "ruim para o País". Em entrevista ao programa Canal Livre, da Band, o tucano afirmou respeitar a trajetória do torneiro mecânico que chegou à Presidência, mas considera que hoje ele "perdeu um pouco o rumo" e que isso é ruim não só para ele, mas para o Brasil.

FHC também criticou a presidente Dilma Rousseff, que “estragou a própria história mais depressa do que Lula" e mostrou "que não tem mais condições de governar o País".

Ele defendeu adesão do PSDB a um eventual governo Temer: "Não existe isso de participar e não dar apoio. Vai participar e vai ter apoio".
Sobre o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o tucano foi crítico com o Supremo Tribunal Federal. "Não sei porque o STF não avançou nos processos", disse.

FHC também negou ter pago pensão ao filho da jornalista Mirian Dutra, com quem teve um relacionamento extraconjugal, por meio de uma empresa, a Brasif.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247