FHC sinaliza que vai vender a tese da “escolha muito difícil” em 2022

Responsável pelo golpe de 2016 e pela teoria da “escolha muito difícil”, que igualou o fascismo de Jair Bolsonaro à social-democracia de Fernando Haddad, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deixou claro que não apoiará um nome do PT nas próximas eleições

(Foto: Anderson Rodrigues/Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um dos principais articuladores do golpe de 2016 , o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que Jair Bolsonaro poderá ser reeleito em 2022 caso tenha como principal rival um candidato do PT. “Se ficar PT e Bolsonaro, a chance de Bolsonaro ganhar é grande. Atribui-se muita coisa errada ao PT”, disse de acordo com o jornal Valor Econômico

O ex-presidente, que junto com o PSDB atuou de forma decisiva no impeachment da presidente Dilma Rousseff e na chegada de Jair Bolsonaro ao poder, defendeu que o adversário do ex-capitão seja capaz de angariar o apoio de diferentes partidos. 

“Se quisermos ter possibilidade de vitória, tem que unir todas as forças, todas as forças que se dispuserem a trabalhar. Isso vai depender de quem é o candidato”, afirmou durante participação em uma conferência virtual realizada pelo banco Credit Suisse nesta quarta-feira (27). 

Ele também sugeriu os nomes dos governadores de São Paulo e do Rio Grande do Sul, João Doria (PSDB) e Eduardo Leite (PSDB), e do apresentador Luciano Huck, sem filiação partidária, como possíveis candidatos ao pleito de 2022.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email