FHC tenta criar alternativa contra Lula e Bolsonaro e diz que apoiaria até Ciro Gomes

"Para o Brasil seria melhor alguém que fosse novo no jogo", disse o ex-presidente FHC, que rechaçar uma eventual candidatura do ex-presidente Lula ao Planalto. O tucano admitiu que apoiaria o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) em 2022

Fernando Henrique Cardoso
Fernando Henrique Cardoso (Foto: NACHO DOCE - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse apoiar qualquer nome que demonstre força suficiente para derrotar Jair Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O tucano admitiu que apoiaria o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) em 2022.

Em entrevista ao jornal da CBN, nesta terça-feira (6), FHC afirmou que Lula deveria "passar o bastão". "Para o Brasil seria melhor alguém que fosse novo no jogo", disse.

Segundo o ex-presidente tucano, é melhor para o Brasil que Bolsonaro complete o seu mandato. FHC disse que o País viveu vários impeachments e isso "deixa marcas". 

O tucano destacou, no entanto, que Bolsonaro governa para o grupo, a família, os partidários e os amigos dele. "Bolsonaro vê o outro lado como inimigo, e não adversário".

Pesquisa mostra Lula na frente

Pesquisa XP/Ipespe, divulgada nessa segunda-feira (5), apontou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou a 29% das intenções de votos, contra 28% de Bolsonaro, na simulação do 1º turno das eleições.

De acordo com o levantamento, 60% da população brasileira disse não aprovar a forma como Bolsonaro governa o País.

Ciro volta a citar o ex-presidente

Também nessa segunda, o ex-ministro Ciro Gomes manifestou a sua posição contrária a uma candidatura do ex-presidente Lula ao Planalto. "A gente devia pedir generosidade a quem já teve oportunidade, como o Lula, que é um grande líder da história brasileira", disse Ciro Gomes. 

"E que olhasse o que a Cristina Kirchner fez na Argentina, em que, tendo uma força grande, deu um passo para trás e ajudou a Argentina a se reconciliar", acrescentou o ex-governador do Ceará.

Altman: Ciro rompeu com os progressistas

O jornalista Breno Altman avaliou que a "ruptura" de Ciro Gomes "com o campo progressista parece um caminho sem volta".

"Ciro Gomes cada vez se afunda mais no pântano", disse o jornalista, que também é editor do site Opera Mundi.

Seja membro da TV 247, inscreva-se no canal Cortes 247 e saiba mais:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email