Glenn diz que Guedes se coloca acima da lei

O jornalista Gleen Greenwald, do The Intercept, afirmou que a negativa do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do Coaf em informar se há uma investigação em andamento contra ele, demonstra que o ministro se coloca acima da lei: "Eu acho que o estado de direito não se aplica a Guedes, Moro ou COAF", disse

(Foto: Gustavo Bezerra/PT na Câmara)

247 - O jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept, comentou a resposta dada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente do Coaf ((Conselho de Controle de Atividades Financeiras), Jorge Luiz Alves Caetano, ao Tribunal de Contas da União sobre uma possível investigação sobre a sua movimentação financeira feita a pedido da Polícia Federal, comandada por Sergio Moro.

"Um juiz ordenou que Paulo Guedes e o COAF revelassem se eu estava sendo investigado. Eles se recusaram. Eu acho que o estado de direito não se aplica a Guedes, Moro ou COAF", disse Glenn nas redes sociais.

Greenwald está a frente de uma série de reportagens que revelaram mensagens trocadas entre o ministro Sergio Moro, da Justiça, com procuradores da Lava Jato quando ele era juiz. Os diálogos evidenciaram a parcialidade de Moro em conluio com os procuradores.

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247