Investigado na Lava Jato, Jucá diz que governo Dilma é Titanic

‘Governo da presidente Dilma Rousseff é o Titanic em marcha acelerada em direção ao iceberg”, afirma o senador Romero Jucá (PMDB-RR); segundo ele, se não houver mudança de rota, o choque será inevitável; citado na lista do procurador-geral, Rodrigo Janot, sobre o caso de corrupção na Petrobras, ele diz que “ser investigado não é demérito”; “Demérito é ser condenado”

‘Governo da presidente Dilma Rousseff é o Titanic em marcha acelerada em direção ao iceberg”, afirma o senador Romero Jucá (PMDB-RR); segundo ele, se não houver mudança de rota, o choque será inevitável; citado na lista do procurador-geral, Rodrigo Janot, sobre o caso de corrupção na Petrobras, ele diz que “ser investigado não é demérito”; “Demérito é ser condenado”
‘Governo da presidente Dilma Rousseff é o Titanic em marcha acelerada em direção ao iceberg”, afirma o senador Romero Jucá (PMDB-RR); segundo ele, se não houver mudança de rota, o choque será inevitável; citado na lista do procurador-geral, Rodrigo Janot, sobre o caso de corrupção na Petrobras, ele diz que “ser investigado não é demérito”; “Demérito é ser condenado” (Foto: Roberta Namour)

247 – Membro do maior partido da base governista, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) não poupa críticas à gestão de Dilma Rousseff. ‘Governo é o Titanic em marcha acelerada em direção ao iceberg’, afirma. Segundo ele, em entrevista ao Valor, se não houver mudança de rota, o choque será inevitável.

O peemedebista afirmou que não é hora de falar do impeachment. No entanto, diz que ‘se o governo não achar o caminho, o Congresso Nacional – comandado por Renan Calheiros e Eduardo Cunha (ambos do PMDB), certamente o achará e tomará as rédeas do processo.

Citado na lista do procurador-geral, Rodrigo Janot, sobre o caso de corrupção na Petrobras, ele diz que “ser investigado não é demérito”; “Demérito é ser condenado” (leia mais).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247