Lava Jato terá prosseguimento natural na minha gestão, diz Dodge

Na sua primeira entrevista coletiva após tomar posse, a nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, garantiu, nesta terça-feira (26) que a Operação Lava Jato terá prosseguimento natural e "todo o apoio" da gestão dela à frente da PGR; a declaração foi feita após reunião da procuradora-geral com ministros para discutir a violência no estado do Rio de Janeiro

 Raquel Dodge
 Raquel Dodge (Foto: Charles Nisz)

247 - A nova procuradora-geral da República, Raquel Dodge, afirmou nesta terça-feira (26), após ser questionada sobre o assunto, que as investigações da Lava Jato terão "prosseguimento natural". Dodge também disse que operação terá "todo o apoio" da gestão dela à frente da PGR. Nesta terça, Dodge concedeu a primeira entrevista coletiva desde que tomou posse, no último dia 18. A coletiva aconteceu após uma reunião da nova procuradora com ministros para discutir a violência no estado do Rio de Janeiro.

"O compromisso do Ministério Público com o combate à corrupção (...) é o meu compromisso", disse Dodge. "Esta investigação terá prosseguimento natural e todo o apoio da minha gestão à frente da Procuradoria Geral da República", acrescentou.

Dodge disse ainda que a revisão do acordo de delação premiada dos executivos da J&F, holding que detém o frigorífico JBS, segue sob análise. "Nós estamos exatamente neste momento conhecendo melhor o conteúdo destas delações e compreendendo a validade delas perante a dela. É um momento de estudo e de reflexão sobre o que faremos", disse.

 

Conheça a TV 247

Mais de Poder

O presidente do PSL, deputado Luciano Bivar
Poder

PSL pode se juntar ao PP

As conversas de fusão do DEM com o PSL estão perdendo força, e Luciano Bivar, presidente da sigla, sentou à mesa com outro cacique da direita: Ciro Nogueira, o poderoso chefão do PP

Ao vivo na TV 247 Youtube 247