Legado de Lula é mais importante que o de Getúlio, afirma historiador

O historiador e cientista político Luiz Felipe de Alencastro defendeu o legado do lulismo e afirmou que os legado de Lula é maior do que o de Getúlio Vargas; "Não tenho dúvida que o lulismo é mais importante que o varguismo. Getúlio mudou o modo de intervenção do Estado na economia. Lula mudou, para muito melhor, a intervenção do Estado na sociedade. Os resultados estão inscritos em todos os gráficos demonstrando o progresso social de 2004 a 2014"

Legado de Lula é mais importante que o de Getúlio, afirma historiador
Legado de Lula é mais importante que o de Getúlio, afirma historiador

247 - Luiz Felipe de Alencastro, historiador e cientista político, defendeu, em entrevista ao Valor, o legado do lulismo e afirmou que os legado de Lula é maior do que o de Getúlio Vargas.

"Não tenho dúvida que o lulismo é mais importante que o varguismo. Getúlio mudou o modo de intervenção do Estado na economia. Lula mudou, para muito melhor, a intervenção do Estado na sociedade. Os resultados estão inscritos em todos os gráficos demonstrando o progresso social de 2004 a 2014".

"O lulismo se baseia na ascensão política do PT e no carisma de Lula. Mas também num componente orgânico e resiliente, derivado de sua associação aos sindicatos e aos movimentos sociais. Impulsionados pelo boom das commodities, esses componentes deram quatro vitórias sucessivas ao PT nas presidenciais. 

O lulismo é um movimento democrático e de esquerda. Basta a ver a política anti-lulista atual, de desmantelamento de conquistas sociais e de aguçamento das desigualdades. O então major Hugo Chavez tentou golpes militares antes de ser eleito presidente na Venezuela. Evo Morales mexeu na Constituição da Bolívia e vai disputar um quarto mandato. Lula disputou e perdeu três eleições presidenciais, antes de ser eleito em 2002. No auge de seu prestígio em 2009, foi acusado de querer mudar a Constituição para disputar um terceiro mandato. Isto não aconteceu. As investigações contra o PT não foram barradas."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247