Lei Rouanet libera R$ 1,3 mi para FHC fazer propaganda do Plano Real

No momento em que setores do Poder Judiciário tentam asfixiar financeiramente o Instituto Lula, o Ministério da Cultura do atual governo de Michel Temer, fruto de um golpe liderado pelo PSDB, autorizou o Instituto FHC a captar R$ 1,3 milhão para promover uma exposição que faz propaganda sobre o Plano Real, ocorrido há 24 anos; nesta sexta-feira, em mais uma entrevista, FHC, que segundo sua ex-amante Miriam Dutra tem apartamentos em Paris e Nova York, disse que Lula, condenado por reformas inexistentes num imóvel da OAS no Guarujá (SP), não é um preso político, mas sim um "político preso"; embora conte com a mídia e as "instituições" a seu favor, FHC não consegue ter o reconhecimento de Lula, que lidera todas as pesquisas sobre sucessão presidencial

No momento em que setores do Poder Judiciário tentam asfixiar financeiramente o Instituto Lula, o Ministério da Cultura do atual governo de Michel Temer, fruto de um golpe liderado pelo PSDB, autorizou o Instituto FHC a captar R$ 1,3 milhão para promover uma exposição que faz propaganda sobre o Plano Real, ocorrido há 24 anos; nesta sexta-feira, em mais uma entrevista, FHC, que segundo sua ex-amante Miriam Dutra tem apartamentos em Paris e Nova York, disse que Lula, condenado por reformas inexistentes num imóvel da OAS no Guarujá (SP), não é um preso político, mas sim um "político preso"; embora conte com a mídia e as "instituições" a seu favor, FHC não consegue ter o reconhecimento de Lula, que lidera todas as pesquisas sobre sucessão presidencial
No momento em que setores do Poder Judiciário tentam asfixiar financeiramente o Instituto Lula, o Ministério da Cultura do atual governo de Michel Temer, fruto de um golpe liderado pelo PSDB, autorizou o Instituto FHC a captar R$ 1,3 milhão para promover uma exposição que faz propaganda sobre o Plano Real, ocorrido há 24 anos; nesta sexta-feira, em mais uma entrevista, FHC, que segundo sua ex-amante Miriam Dutra tem apartamentos em Paris e Nova York, disse que Lula, condenado por reformas inexistentes num imóvel da OAS no Guarujá (SP), não é um preso político, mas sim um "político preso"; embora conte com a mídia e as "instituições" a seu favor, FHC não consegue ter o reconhecimento de Lula, que lidera todas as pesquisas sobre sucessão presidencial (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – No momento em que setores do Poder Judiciário tentam asfixiar financeiramente o Instituto Lula, o Ministério da Cultura do atual governo de Michel Temer, fruto de um golpe liderado pelo PSDB, autorizou o Instituto FHC a captar R$ 1,3 milhão para promover uma exposição que faz propaganda sobre o Plano Real, ocorrido há 24 anos.

Nesta sexta-feira, em mais uma entrevista, FHC, que segundo sua ex-amante Miriam Dutra tem apartamentos em Paris e Nova York, disse que Lula, condenado por reformas inexistentes num imóvel da OAS no Guarujá (SP), não é um preso político, mas sim um "político preso" (saiba mais aqui). Embora conte com a mídia e as "instituições" a seu favor, FHC não consegue ter o reconhecimento de Lula, que lidera todas as pesquisas sobre sucessão presidencial.

Leia, abaixo, a nota de Ancelmo Gois:

A Fundação Fernando Henrique Cardoso poderá captar até R$ 1.291.364,97, pela Lei Rouanet, para atualizar a exposição “Um plano real: a história da estabilização do Brasil”.

A mostra permanente da fundação “recria a experiência da crise de hiperinflação das décadas de 1980 e 1990 e mostra a retomada da estabilidade econômica com a implantação do Plano Real”.

Inscreva-se na TV 247 e confira o "Bom dia 247", que tratou do tema:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247