Lula: Se Dilma tivesse me seguido, não teria havido impeachment

Ao falar sobre reuniões "sistemáticas" que fazia com lideranças políticas do Congresso enquanto era presidente da República, parte de sua rotina, Lula declarou nesta quarta ao juiz Sergio Moro que se a presidente deposta Dilma Rousseff tivesse feito o mesmo, "não teria tido impeachment"; assista ao trecho

Ao falar sobre reuniões "sistemáticas" que fazia com lideranças políticas do Congresso enquanto era presidente da República, parte de sua rotina, Lula declarou nesta quarta ao juiz Sergio Moro que se a presidente deposta Dilma Rousseff tivesse feito o mesmo, "não teria tido impeachment"; assista ao trecho
Ao falar sobre reuniões "sistemáticas" que fazia com lideranças políticas do Congresso enquanto era presidente da República, parte de sua rotina, Lula declarou nesta quarta ao juiz Sergio Moro que se a presidente deposta Dilma Rousseff tivesse feito o mesmo, "não teria tido impeachment"; assista ao trecho (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – No depoimento prestado ao juiz Sergio Moro nesta quarta-feira 10 em Curitiba, o ex-presidente Lula declarou que a se a presidente deposta Dilma Rousseff tivesse agido como ele no sentido de se reunir com frequência com lideranças políticas, "não teria tido impeachment".

Moro questionou se Lula se ele se recordava de ter recebido deputados do Partido Progressista para um churrasco e um café da manhã em 2004 na Granja do Torto – uma das residências oficiais da Presidência da República.

"Eu não me recordo, mas eu fazia reunião sistemática com os líderes. Se a presidenta Dilma tivesse me seguido, não teria tido impeachment", respondeu Lula.
Moro queria saber se a bancada do PP estava insatisfeita com indicações políticas, e Lula disse que 'duvidava' disso. Confira no trecho do vídeo acima.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247