Marcelo Miller nega ter cometido crime ou improbidade

Em nota divulgada à imprensa nesta terça-feira (05), o ex-procurador Marcelo Muller negou ter cometido crime ou improbidade; hoje advogado, Muller está na mira da Procuradoria-Geral da República por suspeita de ter facilitado acordos para executivos da JBS quando ainda era procurador

Em nota divulgada à imprensa nesta terça-feira (05), o ex-procurador Marcelo Muller negou ter cometido crime ou improbidade; hoje advogado, Muller está na mira da Procuradoria-Geral da República por suspeita de ter facilitado acordos para executivos da JBS quando ainda era procurador
Em nota divulgada à imprensa nesta terça-feira (05), o ex-procurador Marcelo Muller negou ter cometido crime ou improbidade; hoje advogado, Muller está na mira da Procuradoria-Geral da República por suspeita de ter facilitado acordos para executivos da JBS quando ainda era procurador (Foto: Charles Nisz)

247 - O ex-procurador da República Marcello Miller divulgou nesta terça-feira (05) uma nota negando ter cometido qualquer crime ou ato de improbidade administrativa. Miller disse estar "à disposição das autoridades para prestar todos os esclarecimentos".

Hoje advogado, o ex-procurador está sob suspeita da PGR. Nesta segunda-feira, (04), o procurador-geral da República Rodrigo Janot anunciou a abertura de investigação sobre a conduta do ex-colega. A suspeita é que Miller teria atuado em favor dos executivos da JBS enquanto ainda exercia as funções de procurador.

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247