Ministro da Educação pode ser demitido nesta noite

Ministro da Educação, Ricardo Vélez, se reúne com o presidente Jair Bolsonaro na noite desta sexta-feira (15) e pode sair do encontro demitido; em uma semana, sete pessoas foram demitidas do MEC, por conta da crise aberta por grupos rivais dentro da pasta, incluindo o astrólogo Olavo de Carvalho, um dos "intelectuais" mais influentes dentro da gestão; as informação são do blog Renata Cafardo, do Estadão

Ministro da Educação pode ser demitido nesta noite
Ministro da Educação pode ser demitido nesta noite (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

247 - O ministro da educação, Ricardo Vélez Rodríguez, já está no Palácio do Planalto para uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro (PSL), mas o encontro pode ser indigesto para o ministro. De acordo com o blog de Renata Carfardo, do Estadão, o encontro na noite desta sexta-feira (15) pode marcar o fim da passagem de Veléz no MEC.

A crise aberta dentro do ministério tornou a manutenção do responsável pela pasta praticamente insustentável. Grupos rivais dentro do órgão, incluindo um liderado pelo astrólogo Olavo de Carvalho, estão em disputa, o que levou a demissão de sete pessoas em apenas uma semana.

Segundo o BR18, a Casa Civil sequer aprovou a nomeação de Iolene Lima, diretora de uma escola batista evangélica em São José dos Campos, para a secretaria executiva da pasta, indicada ontem pelo ministro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247