Ministro do Turismo entra em onda bolsonarista e ataca Doria e Moro

Referindo-se a Moro, que ao sair, afirmou que precisava “preservar sua história”, Álvaro Antônio disse que Doria está “também” preocupado com a própria biografia e não com o país

(Foto: Marcos Correa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG) - denunciado pelo Ministério Público Federal em esquema de candidaturas laranjas - entrou na onda bolsonarista contra os ex-aliados políticos João Doria (governador de São Paulo) e Sergio Moro (ex-ministro da Justiça e Segurança Pública). 

Referindo-se ao tucano paulista, Álvaro Antônio disse nas redes sociais, nesta sexta-feira, 1, que “o João Trabalhador não se preocupa com ninguém”. “Hoje [1º de maio - dia do trabalhador] não tem parabéns para você João Trabalhador”.

O ministro também aproveitou para atacar o ex-juiz da Lava Jato. Referindo-se a Moro, que ao sair, afirmou que precisava “preservar sua história”, Álvaro Antônio disse que Doria está “também” preocupado com a própria biografia e não com o país. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247