Não é piada: Serra defende respeito ao voto

Em declaração a jornalistas nesta quarta-feira 9, ao comentar a vitória de Donald Trump nos Estados Unidos, o ministro das Relações Exteriores, José Serra, destacou a importância de se respeitar o resultado da eleição (americana); "Nas democracias, as decisões do eleitorado se respeitam e se cumprem", disse; o PSDB, partido de Serra, liderou o golpe parlamentar contra Dilma Rousseff após a derrota do senador Aécio Neves (PSDB) ao Planalto, que não se conformou com o resultado das urnas

Em declaração a jornalistas nesta quarta-feira 9, ao comentar a vitória de Donald Trump nos Estados Unidos, o ministro das Relações Exteriores, José Serra, destacou a importância de se respeitar o resultado da eleição (americana); "Nas democracias, as decisões do eleitorado se respeitam e se cumprem", disse; o PSDB, partido de Serra, liderou o golpe parlamentar contra Dilma Rousseff após a derrota do senador Aécio Neves (PSDB) ao Planalto, que não se conformou com o resultado das urnas
Em declaração a jornalistas nesta quarta-feira 9, ao comentar a vitória de Donald Trump nos Estados Unidos, o ministro das Relações Exteriores, José Serra, destacou a importância de se respeitar o resultado da eleição (americana); "Nas democracias, as decisões do eleitorado se respeitam e se cumprem", disse; o PSDB, partido de Serra, liderou o golpe parlamentar contra Dilma Rousseff após a derrota do senador Aécio Neves (PSDB) ao Planalto, que não se conformou com o resultado das urnas (Foto: Gisele Federicce)

247 - Depois de tentar minimizar a declaração que fez em julho contra Donaldo Trump, quando disse que sua vitória nos Estados Unidos seria um "pesadelo", o ministro das Relações Exteriores, José Serra, pediu respeito ao resultado das eleições - norte-americanas.

Não é piada. Em declaração a jornalistas nesta quarta-feira 9, ao comentar a vitória de Trump à presidência, Serra destacou a importância de se respeitar a escolha dos Estados Unidos.

"Nas democracias, as decisões do eleitorado se respeitam e se cumprem", disse.

O partido de Serra, PSDB, liderou o golpe parlamentar contra Dilma Rousseff no Brasil após a derrota do senador Aécio Neves (PSDB) ao Planalto, justamente pela falta de respeito ao resulatdo das urnas.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247