Paulinho ameaça PT com ‘Fora Dilma’

Deputado critica o plano dos petistas de usar o Dia Nacional de Lutas para fazer campanha pela consulta popular. "O que o Rui Falcão está tentando fazer é uma apropriação indébita da agenda dos trabalhadores. Vamos deixar bem claro: o plebiscito não está na pauta do ato das centrais sindicais, no dia 11", afirmou. Caso partido insista na ideia, ele avisa que Força Sindical levantará a bandeira do 'Fora Dilma'

Paulinho ameaça PT com ‘Fora Dilma’
Paulinho ameaça PT com ‘Fora Dilma’

247 – O PT pode constranger a presidente Dilma Rousseff se insistir em fazer campanha pela consulta popular durante o Dia Nacional de Lutas, na próxima quinta-feira. É o que adianta o deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), presidente da Força Sindical.

“Se o PT insistir em ‘enxertar’ essa história de plebiscito na manifestação de quinta-feira, a Força Sindical levantará a bandeira do ‘Fora Dilma’ ”, disse Paulinho ao Estadão. “Nossa manifestação é pela redução da jornada de trabalho, fim do fator previdenciário, reajuste para os aposentados e mais investimentos em saúde e educação.”

Na semana passada, o presidente do partido Rui Falcão disse que a CUT e as outras cinco centrais sindicais estavam unidas na organização do Dia Nacional de Luta. Afirmou, ainda, que o PT, o PDT e o PC do B programaram uma reunião para sexta-feira com as centrais, a CNBB, a OAB, a UNE e o MST, com o objetivo de debater pontos da reforma política e tributária.

"Não podemos permitir que o PT utilize a Força Sindical e outras centrais sindicais como correia de transmissão do que pensa o partido”, insistiu Paulinho. “O que Rui Falcão está tentando fazer é uma apropriação indébita da agenda dos trabalhadores. Vamos deixar bem claro: o plebiscito não está na pauta do ato das centrais sindicais, no dia 11”, emendou, numa referência ao presidente do PT.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247