Paulo Teixeira: Moro deu mais uma prova de que não pode julgar Lula

Deputado diz que juiz "tomou lado" e "se despiu do papel de juiz" ao dizer ao ex-presidente, durante o depoimento desta quarta-feira 10, que blogs apoiadores de Lula também o atacam; "Ele não nega veementemente os vazamentos à imprensa, e não só isso, ele rebate, ele entra na disputa com Lula. Quando diz 'os blogs também me combatem', ele reconhece ter um lado. E isso explica para mim inclusive a prisão do blogueiro Eduardo Guimarães. Ou seja, 'quem me bate, eu prendo'", explica o parlamentar; para Paulo Teixeira (PT-SP), Moro demonstrou ontem "mais uma vez sua parcialidade e tem que ser impedido" de julgar Lula

Deputado diz que juiz "tomou lado" e "se despiu do papel de juiz" ao dizer ao ex-presidente, durante o depoimento desta quarta-feira 10, que blogs apoiadores de Lula também o atacam; "Ele não nega veementemente os vazamentos à imprensa, e não só isso, ele rebate, ele entra na disputa com Lula. Quando diz 'os blogs também me combatem', ele reconhece ter um lado. E isso explica para mim inclusive a prisão do blogueiro Eduardo Guimarães. Ou seja, 'quem me bate, eu prendo'", explica o parlamentar; para Paulo Teixeira (PT-SP), Moro demonstrou ontem "mais uma vez sua parcialidade e tem que ser impedido" de julgar Lula
Deputado diz que juiz "tomou lado" e "se despiu do papel de juiz" ao dizer ao ex-presidente, durante o depoimento desta quarta-feira 10, que blogs apoiadores de Lula também o atacam; "Ele não nega veementemente os vazamentos à imprensa, e não só isso, ele rebate, ele entra na disputa com Lula. Quando diz 'os blogs também me combatem', ele reconhece ter um lado. E isso explica para mim inclusive a prisão do blogueiro Eduardo Guimarães. Ou seja, 'quem me bate, eu prendo'", explica o parlamentar; para Paulo Teixeira (PT-SP), Moro demonstrou ontem "mais uma vez sua parcialidade e tem que ser impedido" de julgar Lula (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) criticou nesta quinta-feira 11, em entrevista ao 247, a parcialidade demonstrada pelo juiz Sergio Moro durante o depoimento do ex-presidente Lula em Curitiba. Para o petista, Moro "deu mais uma prova de que não pode julgar Lula", pois "se despiu do papel de juiz e assumiu ter um lado".

Teixeira se refere ao trecho final do depoimento, quando Lula, em suas considerações finais, enumera os ataques que vêm recebendo da imprensa e os atribui a vazamentos da Lava Jato feitos pelo Ministério Público Federal e pela Justiça do Paraná contra ele. Lula manda ainda um aviso a Moro: de que se ele for absolvido, os ataques contra o magistrado serão muito maiores.

Neste momento, Moro responde a Lula que já sofre ataques, dos "blogs que o patrocinam". Segundo Teixeira, Moro "entra na disputa com Lula". "Quando diz 'os blogs também me combatem', ele reconhece ter um lado. E isso explica para mim inclusive a prisão do blogueiro Eduardo Guimarães. Ou seja, 'quem me bate, eu prendo'", explica o parlamentar.

"Ele ontem mostrou ser parte, não estava no papel de juiz. Vaza para os meios de comunicação e fica bravo quando os meios o atacam", comentou ainda o deputado. "Mais um ato que comprova o impedimento dele de continuar nesta ação", acrescentou.

Para o parlamentar, que lembra um histórico de vazamentos e do comportamento do juiz, que tirou fotos com investigados do PSDB, Moro demonstrou ontem "mais uma vez sua parcialidade e tem que ser impedido" de julgar o ex-presidente.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247