Peluso tem pressa em aprovar Lei da Ficha Limpa

Presidente do Supremo Tribunal Federal, que deixa o cargo em abril, quer colocar em julgamento a validade da lei para as eleies deste ano antes do carnaval

Peluso tem pressa em aprovar Lei da Ficha Limpa
Peluso tem pressa em aprovar Lei da Ficha Limpa (Foto: Antonio Crz/AGÊNCIA BRASIL)

Fernando Porfírio _247 - O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Cezar Peluso, está com pressa. Ele quer colocar em julgamento, antes do carnaval, a validade da Lei da Ficha Limpa para as eleições deste ano. O ministro deixa a presidência do STF em abril. Peluso expressou seu desejo nesta terça-feira (7), após reunião no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O ministro Dias Toffoli já havia liberado para votação, em 1º de fevereiro, os processos que definirão a validade da lei. A retomada do julgamento dependia apenas de Peluso, que define as ações que entram na pauta da Corte.

A sessão que tratava da aplicação da Ficha Limpa foi interrompida em dezembro do ano passado por pedido de vista do ministro Toffoli, que justificou a necessidade de “refletir” melhor sobre o assunto.

Antes da suspensão, dois ministros – Joaquim Barbosa e Luiz Fux – defenderam a constitucionalidade da lei, que impede a candidatura de políticos condenados na Justiça por decisão colegiada ou que tenham renunciado a cargo eletivo para escapar de cassação.

Os três processos que serão analisados pelo STF foram apresentados pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), pelo PPS e pela Confederação Nacional das Profissões Liberais (CNPL).

Em outras ocasiões em que o STF analisou a Lei da Ficha Limpa, a ausência de um ministro na composição da Corte chegou a adiar uma decisão definitiva sobre a aplicação e a validade da norma. Desde dezembro de 2011, com a posse da ministra Rosa Weber, o plenário do Supremo está completo, com 11 ministros.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247