PPS e PMN não devem mais se fundir

Se depender do PMN, não haverá mais a criação da sigla MD; notícia foi confirmada por Lídia Moura, que comanda a legenda na Paraíba; pelo Twitter, deputado Roberto Freire, presidente nacional do PPS, diz que não tem informação sobre o assunto

PPS e PMN não devem mais se fundir
PPS e PMN não devem mais se fundir

247 – O plano de fusão entre PPS e PMN pode ter caído por terra. A colunista Lena Guimarães, do jornal Correio da Paraíba, noticiou desistência por parte do PMN, confirmada pela presidente da sigla no estado, Lídia Moura. A decisão do partido de não se fundir com a legenda presidida pelo deputado Roberto Freire, minando a criação da Mobilização Democrática (MD), "resultou do entendimento de que há diferenças de conceitos, horizontes e entendimentos, insuperáveis".

O "estopim" com relação às divergências foi a reforma política, segundo Lídia. "O PPS teria promovido reuniões, sem o conhecimento do PMN, e uma delas justamente para debater a reforma política. No projeto do partido de Roberto Freire consta o fim das coligações nas eleições proporcionais, posição que contraria a do PMN, que vê essa proposta como nociva aos interesses dos pequenos partidos", diz um trecho da coluna.

O PMN se posicionará oficialmente sobre o assunto após se reunir com as lideranças do PPS. Pelo Twitter, Roberto Freire não comentou a desistência do PMN, mas ao ser questionado se era verdadeira a notícia de que o PMN havia convocado um congresso para anunciar o fim do MD, no dia 28, o deputado respondeu: "Não tenho informação, @MIROBEZERRA apenas tomei conhecimento de noticia anunciando tal reunião, mas nada oficial".

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247