Presidente do Parlamento sueco faz lobby de seus caças em Brasília

Per Westerberg chegou ao Brasil acompanhado de dirigentes da Saab, uma das empresas que participam da disputa pela venda de avies para a Fora Area Brasileira

Presidente do Parlamento sueco faz lobby de seus caças em Brasília
Presidente do Parlamento sueco faz lobby de seus caças em Brasília (Foto: DORIVAN MARINHO/AGÊNCIA ESTADO)

247 - O presidente do Parlamento da Suécia, Per Westerberg, chega à São Paulo hoje depois de uma passagem por Brasília. Nos últimos dois dias, além da visita à Câmara, o sueco se reúniu com o presidente do Senado, José Sarney; com o vice-presidente da República, Michel Temer; e com a ministra da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário.

Em São Paulo, o presidente do Parlamento da Suécia participará de um encontro com empresas suecas instaladas no Brasil para debater desafios e oportunidades no País.

A delegação empresarial que acompanha Per Westerberg é formada pelo presidente do Conselho Administrativo da Saab AB e AB Volvo, Marcus Wallenberg; pelo presidente da Saab AB, Håkan Buskhe; e pelo fundador e presidente da Fundação Spinalis, Claes Hultling.

A Saab é uma das empresas que participam da disputa pela venda de caças à Força Aérea Brasileira (FAB), e segundo o mercado, a preferida entre os militares da aéronautica. Ela concorre com fabricantes da França e dos Estados Unidos. Essa compra, no entanto, tem sido adiada pelo governo brasileiro nos últimos anos.

Segundo o colunista Claudio Humberto, antes do encontro com Temer, Westerberg jantou com o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito. Ele admitiu reduzir o preço, agora que o avião foi comprado pela Suíça.

Os suecos ficaram animados com o desgaste dos Rafale, após o site WikiLeaks insinuar que Lula receberia dinheiro dos franceses. O caça sueco Gripen volta ao radar do Brasil.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247