PSC lança presidente do BNDES para 2018 e este diz querer 'higienizar' a política

Recém-filiado ao PSC, e lançado como pré-candidato à Presidência da República, o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, disse que pretende "desintoxicar" a política brasileira; "Vamos desintoxicar a política brasileira, passar por um processo de limpeza, de higienização, de compromisso efetivo", disse; "Temos que caminhar com os políticos, mas com compromisso renovado", completou

Rio de Janeiro - Paulo Rabello de Castro toma posse na presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) (Fernando Frazão/Agênci Brasil)
Rio de Janeiro - Paulo Rabello de Castro toma posse na presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) (Fernando Frazão/Agênci Brasil) (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Recém-filiado ao PSC, e lançado como pré-candidato à Presidência da República, o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, disse que pretende "desintoxicar" a política brasileira.

"Vamos desintoxicar a política brasileira, passar por um processo de limpeza, de higienização, de compromisso efetivo", disse. "Temos que caminhar com os políticos, mas com compromisso renovado", completou.

Rabello, que foi convidado pelo presidente nacional do partido, Pastor Everaldo, se filiou ao partido no início deste mês. O ingresso de Rabello na legenda acontece em meio a saída do deputado federal e também pré-candidato ao Planalto, Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que está de mudança para o PEN.

Em um discurso à militância realizado neste sábado em Salvador (BA), Rabello destacou ser o "candidato a fazer o Brasil ficar melhor" e que o evento marcava o "início de uma jornada rumo a transformação do país".

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email