Renan confirma votação de impeachment após Olimpíada

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), confirmou nesta quinta-feira (30) que o julgamento final da presidente afastada Dilma Rousseff ocorrerá entre os dias 25 e 27 de agosto, portanto após os Jogos Olímpicos do Rio 2016, que terminam em 21 de agosto

Brasília - Entrevista coletiva do presidente do Senado,Renan Calheiros.(Antônio Cruz/ Agência Brasil)
Brasília - Entrevista coletiva do presidente do Senado,Renan Calheiros.(Antônio Cruz/ Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

Felipe Pontes - Repórter da Agência Brasil

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), confirmou nesta quinta-feira (30) que o julgamento final da presidenta afastada Dilma Rousseff ocorrerá entre os dias 25 e 27 de agosto, portanto após os Jogos Olímpicos do Rio 2016, que terminam em 21 de agosto.

O depoimento de Dilma está marcado na Comissão Processante de Impeachment no Senado para a próxima quarta-feira (6), e os senadores devem votar o parecer final da comissão no dia 4 de agosto, de acordo com o cronograma aprovado.

A intenção inicial dos senadores favoráveis ao impedimento definitivo da petista era encerrar o processo antes da Olimpíada, mas o grande número de testemunhas arroladas pela defesa de Dilma, 40 pessoas, obrigaram a comissão a prolongar os trabalhos.

Desse modo, é possível que na abertura dos Jogos Olímpicos haja a presença de dois presidentes da República. Ontem, em entrevista ao SBT, Dilma afirmou que espera um convite do Comitê Olímpico Internacional (COI) para participar da cerimônia.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247