Rosa Weber suspende resolução de Salles que permite exploração de áreas de restingas e manguezais

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal, atendeu um pedido do partido Rede Sustentabilidade e suspendeu a resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) que viabiliza a exploração de áreas de restingas e manguezais. O Conama é presidido pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu um pedido do partido Rede Sustentabilidade e suspendeu a resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama) que viabiliza a exploração de áreas de restingas e manguezais, ecossistemas ricos em biodiversidade. A reportagem é do jornal O Globo. 

O Conama é presidido pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e revogou, no fim do mês de setembro, duas resoluções que previam normas mais rígidas de proteção às áreas de vegetação de restinga e manguezais em todo o país: a nº 302 e nº 303, acrescenta a reportagem.

Com o despacho da ministra Rosa Weber, essas duas normas voltam a valer. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247