Rui Falcão: 'não temos acordo com Eduardo Cunha'

O presidente do PT, Rui Falcão, voltou a negar nesta segunda (23) que o partido tenha feito um acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), para livrá-lo da cassação; "O que há são relações institucionais enquanto ele presidir a Casa. O compromisso do PT é com a democracia. As denúncias contra Cunha seguirão seu rito normal no Conselho de Ética, nossos deputados votarão unidos, com a coerência de sempre do PT", disse

O presidente do PT, Rui Falcão, voltou a negar nesta segunda (23) que o partido tenha feito um acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), para livrá-lo da cassação; "O que há são relações institucionais enquanto ele presidir a Casa. O compromisso do PT é com a democracia. As denúncias contra Cunha seguirão seu rito normal no Conselho de Ética, nossos deputados votarão unidos, com a coerência de sempre do PT", disse
O presidente do PT, Rui Falcão, voltou a negar nesta segunda (23) que o partido tenha feito um acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), para livrá-lo da cassação; "O que há são relações institucionais enquanto ele presidir a Casa. O compromisso do PT é com a democracia. As denúncias contra Cunha seguirão seu rito normal no Conselho de Ética, nossos deputados votarão unidos, com a coerência de sempre do PT", disse (Foto: Valter Lima)

247 - O presidente do PT, Rui Falcão, voltou a negar que o partido tenha feito um acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), para livrá-lo da cassação.

"Nós não temos acordo com o Eduardo Cunha. O que há são relações institucionais enquanto ele presidir a Casa. O compromisso do PT é com a democracia. As denúncias contra Cunha seguirão seu rito normal no Conselho de Ética, nossos deputados votarão unidos, com a coerência de sempre do PT. Continuaremos a lutar contra o golpismo nas ruas e nas instituições", disse ele nas redes sociais.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247