Temer se reúne com Gilmar e os delatados Maia e Eunício

À frente de um governo ilegítimo e com cinco ministros que serão investigados, Michel Temer se reúne mais uma vez com o ministro Gilmar Mendes, presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), para tentar resistir no cargo contra a vontade da absoluta maioria dos brasileiros; da reunião também participam Rodrigo Maia, presidente da Câmara, e Eunício Oliveira, presidente do Senado, que estão na lista de Janot; se tivessem dignidade, Temer, Maia e Eunício renunciariam e chamariam eleições gerais no Brasil  

Gilmar Mendes e Michel Temer
Gilmar Mendes e Michel Temer (Foto: Giuliana Miranda)

247 - No dia seguinte à divulgação da segunda lista de políticos investigados por Rodrigo Janot, Michel Temer volta a se reunir com o presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, para tentar salvar seu mandato e o núcleo político de seu governo, duramente atingido pelas lista. Além de cinco ministros, vários aliados da administração de Temer são citados.

Participam ainda da reunião desta quarta-feira de manhã, segundo a agenda oficial da Presidência, pelo menos mais dois investigados na lista de Rodrigo Janot: Rodrigo Maia, presidente da Câmara, e Eunício Oliveira, presidente do Senado.

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247