Toffoli libera Lula, mas só para encontro com familiares

O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, acaba de autorizar que o ex-presidente Lula, preso político desde abril do ano passado, saia da cadeia para participar do enterro de Vavá, seu irmão. "É um dever do estado", disse ele. No entanto, Toffoli determinou que o corpo de Vavá seja levado para uma unidade militar. Com isso, a ideia é impedir que sejam feitos registros de Lula

Toffoli libera Lula, mas só  para encontro com familiares
Toffoli libera Lula, mas só para encontro com familiares
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, acaba de autorizar que o ex-presidente Lula, preso político desde abril do ano passado, saia da cadeia para participar do enterro de Vavá, seu irmão. "É um dever do estado", disse ele. No entanto, Toffoli determinou que o corpo de Vavá seja levado para uma unidade militar. Com isso, a ideia é impedir que sejam feitos registros de Lula.

O caso Vavá provocou forte divisão no bolsonarismo. De um lado, Sergio Moro atuou, por meio da Polícia Federal, para impedir que Lula – a quem considera inimigo – participasse do enterro. No entanto, o presidente em exercício, Hamilton Mourão, defendeu a presença de Lula, por se tratar de uma questão humanitária. Toffoli, que possui assessoria militar no STF, optou por uma saída intermediária.

Lula foi preso em abril do ano passado, com a finalidade de ser impedido de disputar as eleições presidenciais. Sem Lula na disputa, Jair Bolsonaro se elegeu e convidou Moro para ser ministro. Diante da explícita perseguição política, Lula é forte candidato a receber o Prêmio Nobel da Paz em 2019. Uma petição pública lançada pelo Adolfo Perez Esquivel já conta com mais de meio milhão de assinaturas.


O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247