TSE vai discutir diretas na cassação de Temer

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral), caso decida pelo julgamento célere e a cassação de Michel Temer, irá discutir também a possibilidade de eleições diretas para o sucessor do peemedebista;  O TSE pode considerar que regra do Código Eleitoral que prevê eleição direta quando faltam mais de seis meses de mandato vale também no caso de Presidente da República

Sess�o plen�ria do TSE. Bras�lia-DF 27/05/2014 Foto: Roberto Jayme/ASICS/TSE
Sess�o plen�ria do TSE. Bras�lia-DF 27/05/2014 Foto: Roberto Jayme/ASICS/TSE (Foto: Giuliana Miranda)

247 - O julgamento —e a provável cassação— de Michel Temer o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) pode ser seguida, na própria Corte, de uma discussão sobre eleições diretas para o sucessor do peemedebista no Planalto. 

De acordo com um dos ministros do tribunal, o TSE pode considerar que regra do Código Eleitoral que prevê eleição direta quando faltam mais de seis meses de mandato vale também no caso de Presidente da República –e não apenas de prefeitos, governadores e senadores.

As informações são da coluna de Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247