Tuiteiro, Sérgio Guerra detona o Governo Dilma

Deputado federal por Pernambuco e presidente nacional do PSDB afirma, em sua conta no Twitter, que o PT comemora 32 anos em contradio, celebrando privatizaes e em meio a uma crise da segurana pblica no Pas

Tuiteiro, Sérgio Guerra detona o Governo Dilma
Tuiteiro, Sérgio Guerra detona o Governo Dilma (Foto: José Cruz/ABr)

Raphael Coutinho_PE247 – O deputado federal e presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra (PE), utilizou, mais uma vez, a sua conta no Twitter (@Sergio_Guerra) , para criticar duramente o governo da presidente Dilma Rousseff e o PT. Os alvos do tucano, desta vez, foram as privatizações dos aeroportos, a segurança pública, corrupção e os gastos do Governo. Para o parlamentar, o PT está comemorando 32 anos de contradições. “O PT faz aniversário comemorando privatização e querendo ampliar o controle sobre a mídia e a liberdade de expressão”,bateu Guerra.

O assunto segurança foi bem explorado pelo deputado em suas postagens. De acordo com ele, “o PT está no poder há 10 anos e até agora não conseguiu resolver essa questão. Até quando a falta de segurança amedrontará os brasileiros?”, questionou. “Os baixos salários da PM só serão resolvidos com pesados investimentos, qualificação e valorização dos profissionais de segurança pública. Estou aqui fazendo um chamamento à responsabilidade do Governo Federal e do PT. Não é possível mais conviver com este quadro caótico”, publicou, em vários posts.

Sobre a questão das privatizações, Guerra disse que o modelo utilizado foi bastante criticado pelos próprios petistas na época em que o PSDB estava no Governo. “(O PT) recorre ao modelo de privatização do PSDB para modernizar os aeroportos. Resta saber se será bem sucedido como o nosso. As privatizações estão sendo feitas. O Brasil precisou e precisa delas. O PSDB vai unir esforços para que sejam bem sucedidas”, relatou.

O tucano fez questão de ressaltar também os gastos feitos pelos governos petistas ao longo de 10 anos. “O PT inchou a máquina pública – hoje tem 25 mil cargos comissionados no Governo Federal – e não consegue melhorar os serviços públicos”, disse, também lembrando as quedas de ministros. “Só o governo Dilma teve sete ministros afastados por denúncias de irregularidades e até agora nenhum foi punido”, acrescentou.

 

Conheça a TV 247

Mais de Poder

Ao vivo na TV 247 Youtube 247