Visando o Planalto, Meirelles vai se filiar ao MDB de Temer

Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deverá deixar o comando da pasta no início de abril visando viabilizar sua candidatura à Presidência da República; Meirelles deverá se filiar ao MDB e, caso não consiga viabilizar sua candidatura, poderá se lançar como vice em uma chapa encabeçada por Michel Temer, apesar da legenda não ter assegurado que ele será candidato; ministro, que deverá anunciar sua saída do ministério no dia 2 de abril, tem apenas 2% das intenções de voto

Visando o Planalto, Meirelles vai se filiar ao MDB de Temer
Visando o Planalto, Meirelles vai se filiar ao MDB de Temer (Foto: Beto Barata/PR)

247 - O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, deverá deixar o comando da pasta no início de abril visando viabilizar sua candidatura à Presidência da República. Meirelles deverá se filiar ao MDB e, segundo a Folha de São Paulo, caso não consiga viabilizar sua candidatura poderá se lançar como vice em uma chapa encabeçada por Michel Temer, apesar da legenda não ter assegurado que ele será candidato.

Meirelles teria conversado com Michel Temer sobre sua saída na última sexta-feira (23) e indicado os nomes dos secretários Mansueto Almeida (Acompanhamento Fiscal) e Eduardo Guardia (Secretaria-Executiva) para ocupar o ministério após deixar o cargo.

Meirelles vem dizendo a assessores próximos "cumpriu uma etapa" ao assumir o ministério da Fazenda em 2016; O ministro, que deverá anunciar sua saída do ministério no dia 2 de abril, tem apenas 2% das intenções de voto, segundo pesquisas eleitorais. Michel Temer possui somente 1% das intenções do eleitorado nacional.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247