Wagner: fim de Cunha é a prova de que verdade vence o achaque

Ministro da Casa Civil do governo Dilma Rousseff, Jaques Wagner comemorou pelo Twitter a decisão da Conselho de ética da Câmara de pedir a cassação de Eduardo Cunha: “o fim de Cunha é a prova de que a verdade sempre prevalece sobre o achaque, a chantagem, as ameaças”; “o fim de Cunha é a vitória das nossas instituições, da nossa democracia, é a vitória do Brasil” 

Ministro da Casa Civil do governo Dilma Rousseff, Jaques Wagner comemorou pelo Twitter a decisão da Conselho de ética da Câmara de pedir a cassação de Eduardo Cunha: “o fim de Cunha é a prova de que a verdade sempre prevalece sobre o achaque, a chantagem, as ameaças”; “o fim de Cunha é a vitória das nossas instituições, da nossa democracia, é a vitória do Brasil” 
Ministro da Casa Civil do governo Dilma Rousseff, Jaques Wagner comemorou pelo Twitter a decisão da Conselho de ética da Câmara de pedir a cassação de Eduardo Cunha: “o fim de Cunha é a prova de que a verdade sempre prevalece sobre o achaque, a chantagem, as ameaças”; “o fim de Cunha é a vitória das nossas instituições, da nossa democracia, é a vitória do Brasil”  (Foto: Roberta Namour)

247 - O ministro da Casa Civil do governo Dilma Rousseff, Jaques Wagner comemorou pelo Twitter a decisão da Conselho de ética da Câmara de pedir a cassação de Eduardo Cunha:

“O fim de Cunha é a prova de que a verdade sempre prevalece sobre o achaque, a chantagem, as ameaças”, postou.

“O fim de Cunha é a vitória das nossas instituições, da nossa democracia, é a vitória do Brasil”, acrescentou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247