(photo: Shehzad Noorani/Unicef)
Conteúdo oferecido por Caixa Seguradora
18.09.2018, 14:07

OMS: uma criança menor de 15 anos morre a cada 5 segundos em todo o mundo

A OMS divulgou estimativas apontando que cerca de 6,3 milhões de crianças menores de 15 anos morreram em 2017, ou 1 a cada 5 segundos, principalmente de causas evitáveis; de acordo com os dados, a grande maioria dessas mortes - 5,4 milhões - ocorre nos primeiros 5 anos de vida, sendo metade deste número mortes de recém-nascidos

247 - A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou estimativas apontando que cerca de 6,3 milhões de crianças menores de 15 anos morreram em 2017, ou 1 a cada 5 segundos, principalmente de causas evitáveis. De acordo com os dados, a grande maioria dessas mortes - 5,4 milhões - ocorre nos primeiros 5 anos de vida, sendo metade deste número mortes de recém-nascidos.

"Sem ação urgente, 56 milhões de crianças menores de 5 anos morrerão até 2030 - metade delas recém-nascidas", disse Laurence Chandy, Diretora de Dados, Pesquisa e Política do UNICEF. "Temos feito progressos notáveis ​​para salvar crianças desde 1990, mas milhões ainda estão morrendo por causa de quem são e de onde nasceram. Com soluções simples como remédios, água limpa, eletricidade e vacinas, podemos mudar essa realidade para todas as crianças", acrescentou.

A maioria das crianças menores de 5 anos morre devido a causas evitáveis ​​ou tratáveis, como complicações durante o parto, diarréia, sepse neonatal, pneumonia e malária. "Milhões de bebês e crianças não deveriam estar morrendo todos os anos por falta de acesso a água, saneamento, nutrição adequada ou serviços básicos de saúde", disse Nono Simelela, diretora geral de Saúde da Família, da Mulher e da Criança da OMS. "Devemos priorizar o fornecimento de acesso universal a serviços de saúde de qualidade para todas as crianças, particularmente na época do nascimento e nos primeiros anos, para que elas tenham a melhor chance possível de sobreviver e prosperar".