Agnelo vai trabalhar em hospital no DF

O ex-governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz (PT), deve se apresentar no Hospital Regional do Gama (HRG) para retorno ao trabalho nesta quinta-feira (13/8); petista é médico concursado da Secretaria de Saúde; desde que deixou o Executivo local, após ser derrotado na eleição do ano passado, ele desfrutava de uma licença remunerada, que acabou em 31 de julho

O ex-governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz (PT), deve se apresentar no Hospital Regional do Gama (HRG) para retorno ao trabalho nesta quinta-feira (13/8); petista é médico concursado da Secretaria de Saúde; desde que deixou o Executivo local, após ser derrotado na eleição do ano passado, ele desfrutava de uma licença remunerada, que acabou em 31 de julho
O ex-governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz (PT), deve se apresentar no Hospital Regional do Gama (HRG) para retorno ao trabalho nesta quinta-feira (13/8); petista é médico concursado da Secretaria de Saúde; desde que deixou o Executivo local, após ser derrotado na eleição do ano passado, ele desfrutava de uma licença remunerada, que acabou em 31 de julho (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 - O ex-governador do Distrito Federal Agnelo Queiroz (PT), deve se apresentar no Hospital Regional do Gama (HRG) para retorno ao trabalho nesta quinta-feira (13/8). Agnelo é médico concursado da Secretaria de Saúde. Desde que deixou o Executivo local, após ser derrotado na eleição do ano passado, ele desfrutava de uma licença remunerada, que acabou em 31 de julho.

Só neste ano, o petista já recebeu R$ 87,8 mil em salário. A remuneração básica atual do ex-governador é de R$ 21.192,42 e os vencimentos líquidos do petista ficam em R$ 14.543,78.

Agnelo é cirurgião-geral da rede pública de saúde desde 1987, mas pouco atuou na rede pública. Três anos depois de passar no concurso, em 1990, ele entrou para a política como deputado distrital e, desde então, ficou afastado do trabalho nos hospitais.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email