Alunos da UnB protestam contra demissão de terceirizados

Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) ocuparam um prédio da instituição rm protesto contra a demissão de terceirizados e cortes na educação; segudno manifestantes, faltou diálogo na discussão sobre o orçamento da universidade; a UnB acumula um déficit de R$ 100 milhões por causa da queda dos repasses federais

Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) ocuparam um prédio da instituição rm protesto contra a demissão de terceirizados e cortes na educação; segudno manifestantes, faltou diálogo na discussão sobre o orçamento da universidade; a UnB acumula um déficit de R$ 100 milhões por causa da queda dos repasses federais
Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) ocuparam um prédio da instituição rm protesto contra a demissão de terceirizados e cortes na educação; segudno manifestantes, faltou diálogo na discussão sobre o orçamento da universidade; a UnB acumula um déficit de R$ 100 milhões por causa da queda dos repasses federais (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 - Estudantes da Universidade de Brasília (UnB) ocuparam na madrugada desta terça-feira (15) um prédio da instituição rm protesto contra a demissão de terceirizados e cortes na educação. A mobilização ocorre no Bloco de Salas de Aula (BSA) Sul, no campus da Asa Norte.

Segundo manifestantes, faltou diálogo na discussão sobre o orçamento da universidade. A UnB acumula um déficit de R$ 100 milhões por causa da queda de repasses federais.

Na última quarta (9), a empresa que atua na limpeza da UnB, a RCA Serviços, demitiu 118 funcionários. Representantes da empresa disseram que o contrato com a universidade foi reduzido em R$ 700 mil e, como consequência, fica necessário suprimir o quadro de funcionários em 128 pessoas.

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email