Apoiado por Bolsonaro, Rodrigo Pacheco é eleito presidente do Senado em 1º turno

Senador do DEM venceu a disputa contra Simone Tebet, do MDB-MS, por 57 votos. Pacheco também teve apoio de partidos de oposição, como o PT

Senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG)
Senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foi eleito presidente do Senado e do Congresso Nacional em primeiro turno na noite desta segunda-feira (1º), com 57 votos. 

Ele disputou o cargo com a senadora Simone Tebet (MDB-MS), que recebeu 21 votos. Nas últimas semanas, a senadora foi perdendo apoio dos colegas, inclusive de seu próprio partido.

Pacheco tem apoio de Jair Bolsonaro e recebeu votos também de partidos de oposição, entre eles o PT.

Ao todo, foram 78 votos depositados em urna. Três senadores deixaram de votar. O senador Chico Rodrigues (DEM-RR) está licenciado do mandato e os senadores Jacques Wagner (PT-BA) e Jarbas Vasconcellos (MDB-PE) disseram se ausentar por motivos médicos.

Confira a sessão:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email