Bolsonaro cancela participação em reunião sobre Amazônia na Colômbia

"Por questões de orientação médica, o presidente precisará a partir da sexta-feira entrar em dieta líquida. A consequência disso é praticamente inviabilizar uma viagem a Letícia nesse momento", disse o porta-voz a jornalistas

Octavio Rego Barros
Octavio Rego Barros (Foto: Wilson Dias / Agência Brasil)

Sputinik – O presidente Jair Bolsonaro cancelou sua viagem à Letícia, na Colômbia, onde participaria de reunião com líderes de países amazônicos. O motivo alegado foi preparação para cirurgia que realizará no domingo.

O porta-voz Otávio de Rêgo Barros informou nesta segunda-feira (3) que a preparação para a cirurgia que realizará no domingo inviabiliza uma viagem para a Colômbia neste momento.

"Por questões de orientação médica, o presidente precisará a partir da sexta-feira entrar em dieta líquida. A consequência disso é praticamente inviabilizar uma viagem a Letícia nesse momento", disse o porta-voz a jornalistas.

De acordo com ele, está sendo avaliado se será enviado um substituto para representar o presidente da República ou se será decidido pela postergação do encontro.

"O que o governo brasileiro está antevendo: a possibilidade de um substituto ao Presidente da República, uma autoridade que posso substitui-lo nesse evento. Ou eventualmente a postergação, afim de que o próprio presidente, pela importância que ele atribuiu ao tema, possa estar presente em uma futura reunião", informou o porta-voz.

Na semana passada, Bolsonaro havia confirmado a reunião entre os presidentes dos países amazônicos para discutir a situação na região. O objetivo do encontro seria afirmar que os países sul-americanos estão juntos com o Brasil em defesa da soberania nacional, em resposta às declarações do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a internacionalização da Amazônia.

Conheça a TV 247

Mais de Brasília

Ao vivo na TV 247 Youtube 247