Carla Zambelli irá depor à PF sobre denúncias de Moro contra Bolsonaro

Segundo o gabinete da parlamentar, ela foi notificada da oitiva na tarde de quinta-feira e tentou antecipar o depoimento

(Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) irá depor perante à Polícia Federal (PF) na próxima quarta-feira, 13, no inquérito sobre as acusações do ex-ministro Sergio Moro de que Jair Bolsonaro quer interferir no órgão. Segundo o gabinete da parlamentar, ela foi notificada da oitiva na tarde de quinta-feira, 7.

A deputada bolsonarista propôs antecipar o depoimento, mas o pedido foi negado. Ela negou que tenha oferecido cargo no Supremo Tribunal Federal (STF) a Moro para que ficasse no governo. "Está claro para todos que minha intenção sempre foi buscar a pacificação de qualquer conflito e que, em momento algum, tentei oferecer um cargo ao ex-ministro, até porque não tenho qualquer prerrogativa para fazê-lo", afirmou. 

Em uma das conversas por Moro à PF, Zambelli pede que o ex-ministro aceite a mudança na direção-geral da PF e, em troca, se comprometeria a ajudar o ministro com uma vaga na suprema corte. "Vá em setembro para o STF. Eu me comprometo a ajudar. A fazer o JB (Jair Bolsonaro) prometer", escreveu a deputada no WhatsApp.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247