Com apoio de Lira, bolsonaristas buscam dificultar atuação da oposição. “Ditadura vai se instalando”, diz Gleisi

Deputados governistas trabalham para alterar o regimento interno e reduzir as formas que existem hoje para atrasar ou até barrar votações de projetos. “A ofensiva bolsonarista contra a democracia não para”, protestou a presidente do PT

(Foto: Najara Araujo/Câmara dos Deputados | ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Deputados aliados ao governo Bolsonaro estão agindo, com aval do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para tentar prejudicar a atuação da oposição na Casa.

Parlamentares trabalham para alterar o regimento interno e reduzir as formas que existem hoje para atrasar ou até barrar votações de projetos em tramitação.

Segundo reportagem do Estado de S.Paulo, propostas semelhantes chegaram a ser discutidas na gestão de Rodrigo Maia (DEM-RJ), mas não andaram. 

Cotada para assumir a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), a deputada Bia Kicis (PSL-DF) disse que colocará as medidas em votação caso assuma o colegiado.

Ao compartilhar a notícia no Twitter, a presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), denunciou: “A ofensiva bolsonarista contra a democracia não para. Agora querem impedir a oposição de debater e atuar. Se o Congresso não defende as regras democráticas q o sustentam, quem o fará? A ditadura vai se instalando”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email