Cunha diz não ver 'menor possibilidade' de CPMF ser aprovada

Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse que a proposta do governo como parte de um pacote de medidas de ajuste fiscal não deve passar na Casa; ele também afirmou que existe uma grande chance de o PMDB formar maioria contra a permanência no governo quando o partido se reunir para um encontro em novembro

Presidente da Camara, Eduardo Cunha, fala com a imprensa antes de presidir a ordem do dia (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Presidente da Camara, Eduardo Cunha, fala com a imprensa antes de presidir a ordem do dia (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil) (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse nesta quarta-feira que não vê a "menor possibilidade" de aprovação na Casa da nova CPMF, proposta pelo governo como parte de um pacote de medidas de ajuste fiscal.

Cunha disse ainda, em entrevista a jornalistas, que existe uma grande chance de o PMDB formar maioria contra a permanência no governo da presidente Dilma Rousseff quando o partido se reunir para um encontro em novembro.

(Reportagem de Leonardo Goy)

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247