Em simulação, dublê de Bolsonaro é alvo de tiros de fuzil e pistola

O Gabinete de Segurança Institucional fez uma simulação de um ataque a Jair Bolsonaro com disparos de fuzil e pistolas. Depois de minutos de tiros, um dublê do presidente Jair Bolsonaro (PSL) apareceu de colete vermelho e foi retirado de dentro de um carro do comboio presidencial, que sofreu uma emboscada

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Gabinete de Segurança Institucional fez uma simulação de um ataque a Jair Bolsonaro com disparos de fuzil e pistolas. Depois de minutos de tiros, um dublê do presidente Jair Bolsonaro (PSL) apareceu de colete vermelho e foi retirado de dentro de um carro do comboio presidencial, que sofreu uma emboscada. 

A reportagem da revista Veja destaca que "O “ataque” foi presenciado por jornalistas que cobrem o Palácio do Planalto. A convite do ministro-chefe do GSI general Augusto Heleno, os profissionais viram parte do treinamento dos agentes de segurança. Além do tiroteio, a simulação também contou com granadas de fumaça roxa, vermelha e branca, em reação extrema a um ataque ao comboio presidencial. O GSI é responsável pela proteção do presidente, do vice e suas famílias."

A matéria ainda informa que "Heleno disse que o segurança ideal é “uma mistura do Batman, Superman e Mandrake, um pouco de cada super-herói”. Desde que Bolsonaro sofreu um atentado a faca, em setembro de 2018, o Zero Dois do presidente, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), tem feito críticas ao que ele vê como falhas na segurança do pai — à época da campanha, a escolta do então candidato do PSL era feita pela Polícia Federal."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email