Ex-comunista, Augusto Carvalho critica Cuba

Deputado condena o que chama de apropriação indébita dos salários dos médicos pelo regime cubano.  “Lamentável a degeneração a que chegou o regime de Cuba pelo qual nós, na juventude, sempre nos batemos. Apostávamos num modelo de sociedade mais igualitária e mais fraterna”, disse ele

Deputado condena o que chama de apropriação indébita dos salários dos médicos pelo regime cubano.  “Lamentável a degeneração a que chegou o regime de Cuba pelo qual nós, na juventude, sempre nos batemos. Apostávamos num modelo de sociedade mais igualitária e mais fraterna”, disse ele
Deputado condena o que chama de apropriação indébita dos salários dos médicos pelo regime cubano.  “Lamentável a degeneração a que chegou o regime de Cuba pelo qual nós, na juventude, sempre nos batemos. Apostávamos num modelo de sociedade mais igualitária e mais fraterna”, disse ele (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Ex-militante do Partido Comunista, o deputado Augusto Carvalho (PPS-DF) condena o que chama de apropriação indébita dos salários dos médicos pelo regime cubano. Leia, abaixo, informação publicada na coluna de Luiz Carlos Azedo, colunista do Correio Braziliense:

Indébita
O deputado federal Augusto Carvalho, do PPS-DF, protestou contra o que chama de apropriação, por parte do governo de Cuba, do salário de R$ 10 mil que os médicos cubanos que vão trabalhar no Brasil receberão do Programa Mais Médicos. “Lamentável a degeneração a que chegou o regime de Cuba pelo qual nós, na juventude, sempre nos batemos. Apostávamos num modelo de sociedade mais igualitária e mais fraterna”, disse.

Salários
Os médicos cubanos que atuarão no Programa Mais Médicos pelo acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) deverão ganhar entre R$ 2,5 mil e R$ 4 mil por mês

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email