Ex-vice-governador Paulo Octávio é preso no DF

Ex-vice de José Roberto Arruda, governador que foi preso e cassado durante a operação que desvendou o chamado Mensalão do DEM, Paulo Octávio foi detido em um dos hotéis de sua propriedade, no centro de Brasília; ele era alvo da Operação Átrio e foi preso após suspeita de corromper funcionários públicos que expediam alvarás para seus prédios

Ex-vice de José Roberto Arruda, governador que foi preso e cassado durante a operação que desvendou o chamado Mensalão do DEM, Paulo Octávio foi detido em um dos hotéis de sua propriedade, no centro de Brasília; ele era alvo da Operação Átrio e foi preso após suspeita de corromper funcionários públicos que expediam alvarás para seus prédios
Ex-vice de José Roberto Arruda, governador que foi preso e cassado durante a operação que desvendou o chamado Mensalão do DEM, Paulo Octávio foi detido em um dos hotéis de sua propriedade, no centro de Brasília; ele era alvo da Operação Átrio e foi preso após suspeita de corromper funcionários públicos que expediam alvarás para seus prédios (Foto: Roberta Namour)

247 - O ex-vice-governador do Distrito Federal Paulo Octávio foi preso na noite desta segunda-feira (2) em Brasília, na operação Átrio, da Polícia Civil.

Segundo informações da Polícia Civil, ele era alvo da Operação Atrio e foi detido após suspeita de corromper funcionários públicos que expediam alvarás para seus prédios.

Em novembro do ano passado, o TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios) negou o pedido de prisão feito pelo Ministério Público antes da deflagração da operação.

Ex-vice de José Roberto Arruda, governador que foi preso e cassado durante a operação que desvendou o chamado Mensalão do DEM, Paulo Octávio foi detido em um dos hotéis de sua propriedade, no centro de Brasília. Ele está na carceragem da Divisão Especial de Repressão ao Crime Organizado da Polícia Civil.

O advogado de Octávio, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, está em Paris e não soube precisar os motivos que levaram seu cliente a ser detido.

 

Conheça a TV 247

Mais de Brasília

Ao vivo na TV 247 Youtube 247